Sempre achei piada às mães que cantam para embalar os filhos e sempre me ri quando ao cantarem transmitem recados sem perturbar a melodia.

O meu bebé vai nanar,
vai nanar o meu bebé,
apaga o candeeiro,
vai nanar o meu bebé.
Põe aqui o telemóvel
e põe só a vibrar,
o meu bebé vai nanar,
vai nanar o meu bebé.

E era também para o que eu estava guardada!

Comentários

Bárbara
Author

Write A Comment