Este fim-de-semana aproveitamos para ir ao parque biológico de gaia.

É um passeio que fazemos todos os anos, muitas vezes mais que uma vez por ano. 

Este último fim-de-semana aproveitamos a fantástica oportunidade que o parque tem para o mês de Julho e fomos gratuitamente.

A entrada no parque não é cara, 3€ os adultos e 1€ as crianças, mas na verdade ao irmos  em família acabamos por ser seis adultos e uma criança pagante e assim poupamos 19€! 

Levamos lancheiras e fomos com muita calma aproveitar o parque e em vez de usarmos o parque da merendas comemos pelo caminho. Há um Spot muito bom junto aos milhafres, tem dois bancos e um caixote do lixo. Comem e deixam tudo limpinho 🙂

O parque esse dispensa apresentações! São praticamente 3km de muita natureza. Os animais esses são desde as galinhas aos bisontes. Todos os animais do parque não conseguiriam viver livremente, de outra forma não estariam ali. 

O parque, para quem não sabe, tem uma política para acolher animais. Aceita todos os animais à exceção de cães e gatos. 

Tartarugas que deixam de ser desejadas em casa, gaivotas feridas, eu própria já levei lá um pássaro que apanhei tombado na berma da estrada. Os animais são recebidos e tratados e se conseguirem sobreviver livremente são soltos quando recuperados. Quando deixamos os animais recebemos ainda um registo e podemos aceder a uma base de dados para sabermos o que aconteceu com esse animal.

Não tenho a certeza mas acho que em alguns casos vão ao local recolher o animal também. 

O parque vale a pena, e vocês deviam aproveitar que ainda há mais dois fins-de-semana com as entradas grátis. 

Não se assustem com os 3 kms, fazem-se bem e se levarem carrinho a maior parte do caminho é asfaltado! Mas não se esqueçam de protector solar, chapéu e água. Não há bebedouros pelo caminho. Mas há pelos menos duas casas-de-banho durante o percurso. 

Ah e se acham que vai estar muita gente, sim vai, mas o parque é suficientemente grande 🙂 quando chegamos estava muita gente logo no início do percurso mas depois paramos para almoçar e a partir daí fizemos o parque como um dia normal, sem  notarmos aquela confusão inicial. 

Aproveitem! 

Comentários

Bárbara
Author

Comments are closed.